Início Destaques 209 veículos foram furtados ou roubados em Itapevi em 6 meses

209 veículos foram furtados ou roubados em Itapevi em 6 meses

COMPARTILHAR
Foto: Reprodução
Anunciantes

Clique Aqui e envie um “OI” pelo WhatsApp para receber mais notícias de Itapevi e do Brasil em seu celular gratuitamente


Se um ladrão toma algo que pertence a outra pessoa sem estabelecer contato com ela, comete furto, já se houver contato com a vítima, violência ou alguma ameaça, é roubo.

Apesar de triste, infelizmente já é comum ler mensagens e publicações de pessoas nas redes sociais, pedindo ajuda para divulgar fotos e características de veículos que foram roubados ou furtados, estes fatos também aparecem nas estatísticas publicadas pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo.


Leia também:

Com 18 vítimas, Itapevi vê número de assassinatos crescer 38% em apenas um semestre

Itapevi registrou 48 estupros em 6 meses, a maioria contra vulneráveis


O levantamento realizado pelo Itapevi Realidade nestas estatísticas, revela que em apenas nos seis primeiros meses deste ano foram registrados 209 casos de roubos e furtos de veículos em Itapevi, números elevados, mas que ainda assim são menores do que os registrados nos últimos dois semestres de 2018.

Roubos:

O número de registros de roubos de veículos em Itapevi apenas no primeiro semestre deste ano foi de 72 casos, este número é 24% menor do que o registrado no mesmo período de 2018 e 34% menor do que o registrado no segundo semestre daquele ano.

Furtos:

Já o número de furtos de veículos na cidade foi de 137 casos apenas no primeiro semestre de 2019, esta quantidade é menor se comparada ao primeiro semestre de 2018, quando foram registrados 153 casos de furtos de veículos na cidade, uma redução de 10% nas ocorrências, no entanto, se comparado com o último de 2018, a redução é maior, atingindo 24%, considerando que naquele período foram registrados 180 furtos de veículos em Itapevi.

COMPARTILHAR
Jornalismo independente e critico, o site de notícias com a maior credibilidade e audiência de Itapevi!