Início Destaques Governo de SP prorroga fase de transição por mais duas semanas

Governo de SP prorroga fase de transição por mais duas semanas

COMPARTILHAR
Foto: Reprodução
Anunciantes

Clique Aqui e envie um “OI” pelo WhatsApp para receber mais notícias de Itapevi e do Brasil em seu celular gratuitamente


O governo de São Paulo anunciou nesta sexta-feira (7) a ampliação do horário de funcionamento de restaurantes e do comércio em todo o estado.

Apesar de relaxar ainda mais as regras, a gestão de João Doria (PSDB) manteve todo estado por mais duas semanas no que nomeou de “fase de transição” da quarentena contra a disseminação do coronavírus.

A partir deste sábado (8), lojas, shoppings, restaurantes, salões de beleza, academias e outros estabelecimentos comerciais poderão operar das 6h às 21h.

A gestão estadual aumentou para 30% da capacidade máxima dos estabelecimentos. Porém, não há lei, multa ou fiscalização para verificar o percentual do público na prática.

Como era:

  • Abertura das 6h às 20h, por 14h diárias;
  • Recomendação de ocupação máxima de 25% para estabelecimentos comerciais e de serviços;
  • Toque de recolher das 20h às 5h;
  • Parques estaduais e municipais podem operar das 6h às 18h.

Como fica:

  • Abertura das 6h às 21h, por 15h diárias;
  • Recomendação de ocupação máxima de 30% para estabelecimentos comerciais e de serviços;
  • Toque de recolher passa a vigorar das 21h às 5h. A nova regra vale até o dia 23 de maio;
  • Parques estaduais e municipais continuam com horário menor: das 6h às 18h.

 

O estado de São Paulo está, desde meados de abril, na chamada “fase de transição” do Plano São Paulo. Apesar de criado para representar uma etapa intermediária entre a fase vermelha e a laranja, o período transitório permite a abertura dos mesmos setores liberados nessas duas fases, e com horários ainda mais extensos.

Sem a criação da fase de transição, boa parte do estado estaria atualmente na fase vermelha, a mais restritiva do Plano São Paulo. De acordo com os indicadores do próprio governo estadual, 14 das 17 regiões do estado deveriam estar na fase vermelha porque têm taxa de ocupação de leitos de UTI acima de 75%.

Na última quarta, o governador João Doria chegou a dizer que estava “otimista” com o cenário e que o comitê de saúde avaliava o avanço para fases mais permissivas.

Fonte G1



COMPARTILHAR
Jornalismo independente e critico, o site de notícias com a maior credibilidade e audiência de Itapevi!