Duas pessoas ficaram feridas em briga de torcidas em estação CPTM em Osasco
Foto: Reprodução

Torcedores do Palmeiras e do São Paulo entram em confronto na estação Presidente Altino, da Linha 9-Esmeralda da CPTM na noite desta quarta-feira (17), em Osasco.

Segundo a CPTM, a briga aconteceu por volta das 23h30, logo após o clássico entre os dois clubes, disputado no Allianz Parque, na Barra Funda, que terminou com vitória do time do Morumbi por 2 a zero.

+Policia apura se o assassinato de Denis ocorreu em razão de algum conflito político

De acordo com a empresa, a equipe de segurança da companhia que estava acompanhando o deslocamento da torcida pelo sistema teve que atuar para dispersar os torcedores, solicitando reforço da Polícia Militar.

Duas pessoas foram encaminhadas a um hospital da região por causa de ferimentos. Durante a ocorrência foram registrados danos patrimoniais e o caso foi registrado no 5º DP de Osasco.

Imagens obtidas pela TV Globo mostram pedras usadas na briga, além de manchas de sangue dentro das locomotivas. No vídeo é possível ver também os torcedores correndo pela estação com barras de ferro.

Pedras e marcas de sangue encontradas dentro do trem da CPTM após confronto de torcedores na estação Presidente Altino, em Osasco. — Foto: Reprodução
Pedras e marcas de sangue encontradas dentro do trem da CPTM após confronto de torcedores na estação Presidente Altino, em Osasco. — Foto: Reprodução

O uso de bombas também foi registrado no local, onde é possível ver estouros e muita fumaça durante e após a fuga dos torcedores envolvidos.

A CPTM afirmou que colabora com as investigações do caso e disponibilizará as imagens à delegacia especializada que apura crimes cometidos por torcedores de futebol.

Torcedores com barras de ferro durante confronto na estação Presidente Altino, em Osasco, na Grande SP. — Foto: Reprodução
Torcedores com barras de ferro durante confronto na estação Presidente Altino, em Osasco, na Grande SP. — Foto: Reprodução

Fonte g1