Após a grande repercussão do trágico acidente ocorrido na manhã de sexta-feira (11/12), onde Celso Camargo Correia, de 34 anos, faleceu após o veículo que dirigia, pertencente a empresa Miraforte Vigilância e Segurança Patrimonial, ser atingido por um trem de passageiros próximo a estação Engenheiro Cardoso em Itapevi.

 

De acordo com informações colhidas pelo Itapevi Realidade junto ao G1, a empresa Miraforte Vigilância e Segurança Patrimonial se pronunciou quanto a tragédia ocorrida.

 

Leia também:

Tragédia: Celso Camargo tinha 34 anos, deixou esposa e 2 filhos

Acidente: Trem atinge veículo em Itapevi e motorista morre com impacto

Acidente fatal: Afinal, há culpados?

–  Corpo de motorista morto em acidente é enterrado em Itapevi

 

A empresa, que tem sede em Itapevi, informou que no veículo estavam 2 funcionários que trabalhavam com monitoramento de alarmes. A Miraforte lamentou o acidente e disse que está em contato com os familiares dos dois funcionários envolvidos no acidente.