A CIA ganhou destaque pela performance e encenação contemporânea. Foto: Divulgação/PMI

Comprometimento e dedicação pela arte resumem a Escola Municipal Livre de Teatro de Itapevi. O grupo técnico da Escola, com direção de Hélton Lima, ganhou destaque nas principais categorias no VI Festi – Festival de Teatro de Itapetininga.

A Cia. Studio 8, formada pelos alunos do grupo técnico da Escola, se apresentou com o espetáculo “Manifesto do Subconsciente” no Centro Histórico e Cultural de Itapetininga.

Leia Também:

Igor Soares anuncia gestão ética, redução de secretarias, cargos e gastos públicos

UAB Itapevi abre inscrições para cursos de Pós-Graduação gratuitos 

– CRAS Maristela muda e passa a atender em novo endereço

Durante a premiação realizada na sexta-feira (14), a CIA recebeu 8 indicações nas principais categorias: Melhor Figurino, Melhor Cenografia, Melhor Iluminação, Melhor Sonoplastia, Melhor Atriz Coadjuvante (com indicação de duas atrizes), Melhor Ator Coadjuvante, Melhor Espetáculo e Melhor Direção. E ganharam 3 prêmios nas categorias, Melhor Atriz Coadjuvante, Melhor Ator Coadjuvante e Melhor Direção.

O espetáculo construído de forma coletiva por todos os atores envolvidos na encenação e direção, teve seu início a partir de estudos sobre a encenação contemporânea, estética teatral, semiótica, performance e dança-teatro.

O prefeito Jaci Tadeu pontua a importância do projeto desenvolvido pela Secretaria de Cultura, Juventude e Turismo. “ Essas premiações demostram que temos pessoas comprometidas realizando bons trabalhos com esses jovens talentos, e que estamos no caminho certo ao investir nos jovens do município. ” disse.

Vale ressaltar que no último sábado (15), a Escola Livre Municipal de Teatro recebeu a notícia que foi selecionada para a 6ª Mostra Competitiva de Teatro na cidade de Sarapuí – SP. Na programação os jovens representarão a cidade com o espetáculo “Manifesto do Subconsciente” no dia 19 de novembro.