Instituto Eurofarma abre vagas para cursos profissionalizantes
Foto: Reprodução

O Instituto Eurofarma, braço social da Eurofarma que visa à inclusão por meio da educação transformadora, anuncia a abertura das inscrições de mais de 550 vagas para os cursos gratuitos no 2º semestre de 2022. As aulas serão realizadas em São Paulo, Itapevi e, também, on-line. Os cursos são destinados a diversas faixas etárias, especialmente para alunos e ex-alunos da rede pública de ensino, com renda familiar de até três salários mínimos. As inscrições podem ser feitas até 10 de julho em www.institutoeurofarma.com.br

Demais informações

Em São Paulo, os encontros acontecem no Instituto Eurofarma (Av. das Nações Unidas, 22.215, a 400 metros da estação de trem Jurubatuba, em frente ao Shopping SP Market).

Em Itapevi, acontecem na Escola 5.0 da Prefeitura (Av. Rubens Caramez, 279 – na rotatória da Cohab, em cima do Bom Prato).

As aulas acontecem duas vezes por semana, de manhã, de tarde ou de noite. Para o preparatório para o Enem e vestibulares, serão quatro encontros por semana e há turmas presenciais (manhã e tarde) e on-line (tarde e noite, preferencialmente para quem mora fora de São Paulo).

Mais informações sobre as vagas e detalhes sobre os cursos oferecidos estão disponíveis em www.institutoeurofarma.com.br ou pelo (11) 99499-9201 (Whats App). Os inscritos serão contatados por e-mail para agendamento do processo seletivo a partir da segunda quinzena de julho e as aulas terão início em agosto.

Confira os cursos disponíveis abaixo:

Técnicas Administrativas (São Paulo)

 

Informática Básica para o Mundo do Trabalho (São Paulo)

 

Marketing e Comunicação (São Paulo)

 

Programação Front End (São Paulo)

 


Técnicas Administrativas (Itapevi)

 

Informática Básica para o Mundo do Trabalho (Itapevi)

 

Sobre o Instituto Eurofarma

A educação como modelo de transformação

Fundado há 15 anos, o Instituto Eurofarma busca aprimorar os resultados dos investimentos sociais da Eurofarma em três principais áreas: Formação de Jovens e Adultos, Educação Complementar e Educação Ambiental. As iniciativas desenvolvidas sempre visam à inclusão socioeconômica e ao desenvolvimento sustentável, por meio da educação de qualidade. Os projetos são de gestão própria, contam com parcerias de cunho pedagógico e têm como objetivo a autonomia e o protagonismo dos participantes