COMPARTILHAR
Foto: Reprodução/PMI

A exemplo de anos anteriores, a Prefeitura de Itapevi realiza entre os dias 20 e 24 de junho, a campanha municipal de doação de sangue, no hall de entrada (R. Agostinho Ferreira Campos, 675, Vila Nova Itapevi), das 9h às 16h.

Os interessados em doar devem se inscrever no site da Prefeitura: Itapevi.sp.gov.br/doesangue, a partir de terça-feira (7), às 9h. O doador precisa ser maior de idade, ter mais de 50 quilos e não ter feito tatuagem nos últimos meses.

A meta da campanha é conseguir a doação de 500 bolsas de sangue. O evento será realizado em parceria com o Grupo H.Hemo.

A ação tem sido realizada pela Prefeitura desde 2018, para conscientizar a população e ajudar a salvar vidas, durante o Junho Vermelho, mês da doação de sangue.

+Mais Esportes Itapevi abre novas inscrições para 390 vagas no ginásio de esportes

+Adultos com 50 anos já podem tomar 4º dose de vacina contra Covid-19

+ Itapevi abre vagas para curso “Meu Emprego – Trabalho em Equipe”

Quem pode doar sangue?

No ato da doação, é feita uma triagem que obedece a normas nacionais e internacionais, de modo a dar segurança e proteção ao receptor e ao doador do sangue. Por isso, existem alguns pré-requisitos para que o procedimento seja concretizado. Veja quais são:

– Estar em boas condições de saúde;
– Ter entre 18 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos;
– Pesar no mínimo 50kg;
– Estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas);
– Estar alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação);
– Apresentar documento original com foto recente, que permita a identificação do candidato, emitido por órgão oficial (Carteira de Identidade, Cartão de Identidade de Profissional Liberal, Carteira de Trabalho e Previdência Social).

Algumas condições de saúde podem impor impedimentos temporários. São elas:

– Resfriado: aguardar 7 dias após desaparecimento dos sintomas;
– Gravidez;
– 90 dias após parto normal e 180 dias após cesariana;
– Amamentação (se o parto ocorreu há menos de 12 meses);
– Ingestão de bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação;
– Tatuagem/maquiagem definitiva nos últimos 12 meses;
– Situações nas quais há maior risco de adquirir doenças sexualmente transmissíveis: aguardar 12 meses;
– Qualquer procedimento endoscópico (endoscopia digestiva alta, colonoscopia, rinoscopia etc): 6 meses;
– Extração dentária (verificar uso de medicação) ou tratamento de canal (verificar medicação): por 7 dias;
– Cirurgia odontológica com anestesia geral: 4 semanas;
– Acupuntura: se realizada com material descartável: 24 horas; se realizada com laser ou sementes: apto; se realizada com material sem condições de avaliação: 12 meses;
– Vacina contra gripe: 48 horas;
– Herpes labial ou genital: apto após desaparecimento total das lesões;
– Herpes Zoster: apto após 6 meses da cura (vírus Varicella Zoster).

Também existem alguns impedimentos definitivos à doação. São eles:

– Hepatite após os 11 anos de idade;
– Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue: Hepatites B e C, AIDS (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas;
– Uso de drogas ilícitas injetáveis;
– Malária.