Ícone do Tempo

Peça Teatral “Pedro e Domitila” Revela Capítulo Esquecido da História do Brasil em Itapevi

Peça Teatral "Pedro e Domitila" Revela Capítulo Esquecido da História do Brasil em Itapevi
Foto: Divulgação/PMI

No próximo sábado, 2 de setembro, um capítulo pouco explorado nos livros de história ganhará vida em uma emocionante apresentação teatral intitulada “Pedro e Domitila”. O espetáculo, uma comédia dramática, será realizado no Teatro Municipal de Itapevi, localizado na Rua Professor Irineu Chaluppe, 65, Centro, a partir das 20h. A entrada é gratuita e a iniciativa só foi possível graças à parceria entre a Prefeitura de Itapevi e o Núcleo Pedro e Domitila, que é beneficiário do Programa de Ação Cultural do Governo do Estado (ProAc), do Governo do Estado de São Paulo.

Os interessados em assistir à apresentação podem solicitar ingressos através do link da Bilheteria Express, disponível aqui. O processo de reserva de ingressos é virtual, permitindo que os espectadores escolham seus lugares no teatro. Cada CPF tem direito a um ingresso, e é recomendável chegar com pelo menos 30 minutos de antecedência para garantir seu lugar.

A peça “Pedro e Domitila” tem uma classificação indicativa de 14 anos e uma duração estimada de 75 minutos. O espetáculo reconta a trajetória do relacionamento entre Dom Pedro I e Domitila, conhecida como a Marquesa de Santos, intercalando cenas que retratam o período de escravidão no Brasil. O texto é de autoria de Ênio Gonçalves, com direção de José Geraldo Rocha. O elenco conta com talentosos atores, como Andrea Neres, Bell Talarico, Rodrigo Bianchini e Zhé Maria.

A história é observada sob o olhar crítico de um casal escravizado, representando a perspectiva popular da época. O relacionamento famoso é explorado em todas as suas nuances, incluindo paixão, romantismo, ciúmes, indiferença, ambição, poder e sofrimento. A peça mescla realidade e ficção, projetando esses personagens como visionários envolvidos em uma paixão que abalou o império. Os acontecimentos são apresentados de forma cronológica, permitindo ao público mergulhar profundamente na história.

A trama começa com os primeiros encontros em São Paulo, quando Dom Pedro I conhece Domitila, já separada de seu primeiro marido, pouco antes da Proclamação da Independência do Brasil, em 7 de setembro de 1822. Após esse marco histórico, o primeiro imperador do Brasil retorna ao Rio de Janeiro, e Domitila o segue. Ao longo de sete anos, como ocorre em muitos relacionamentos, o romantismo inicial cede espaço à rotina e aos jogos de interesse de ambas as partes, até o rompimento final.

Em reconhecimento por seus serviços e devoção, Dom Pedro I concedeu a Domitila o título de Marquesa de Santos em 1826. Com o imperador, ela teve cinco de seus 13 filhos. Posteriormente, ela se casou com o político paulista Tobias de Aguiar (1795-1857). No final de sua vida, Domitila dedicou-se à assistência social em São Paulo, deixando um legado que transcendeu seu relacionamento com o imperador.

Não perca a oportunidade de presenciar essa emocionante representação teatral que traz à tona um pedaço importante e pouco explorado da história do Brasil. O espetáculo “Pedro e Domitila” promete uma noite repleta de emoções e reflexões sobre o passado do nosso país.

Serviço:

  • Peça: Pedro e Domitila
  • Data: Sábado, 2 de setembro de 2023
  • Horário: 20h
  • Local: Teatro Municipal de Itapevi
  • Endereço: Rua Professor Irineu Chaluppe, 65, Centro
  • Ingressos: Gratuitos (solicite aqui)

Prepare-se para uma noite inesquecível de teatro e história em Itapevi. Venha assistir à peça “Pedro e Domitila” e embarque em uma viagem única pelo passado do Brasil.

Leia mais:

Foto do autor

Redação

Jornalismo independente e critico, o site de notícias com a maior credibilidade e audiência de Itapevi!