Clique Aqui e envie um “OI” pelo WhatsApp para receber mais notícias de Itapevi e do Brasil em seu celular gratuitamente


A Prefeitura de Itapevi decidiu vacinar os profissionais da educação nesta semana, nos dias 1 e 2 de junho, com a vacina AstraZeneca, que segundo estudos tem 86% de eficácia após 1ª dose. Com isso, será possível a retomada das aulas no dia 21 de junho, com 50% das turmas.

O profissional da educação de Itapevi, que atua em escolas municipais, receberá comunicado da Secretaria Municipal nesta segunda-feira, 31 de maio, sobre preenchimento de formulário. Após confirmação dos dados, será feito o agendamento para esta terça ou quarta-feira. Para atender este público, a vacinação será realizada na Escola do Futuro do Suburbano.

Para o prefeito Igor Soares, esta etapa de vacinação será um importante passo para retomada das aulas com segurança. “A educação certamente foi uma das áreas mais prejudicadas com a pandemia. Nem todas as crianças têm equipamentos ou estrutura para acompanhar as aulas virtuais e ainda há alunos que apresentam dificuldades no aprendizado à distância. Com os profissionais protegidos, com a imunidade natural entre a maioria das crianças e todos os cuidados como distanciamento, uso obrigatório de máscara e álcool em gel nas salas de aula, será possível retomarmos as aulas com segurança”, destacou.

Por enquanto, na retomada das aulas, pais e responsáveis dos alunos poderão optar pela retomada ou não dos estudantes; mas alunos com comorbidades continuarão obrigatoriamente recebendo as atividades online.

EDUCAÇÃO COMO PRIORIEDADE

Em fevereiro deste ano, o prefeito Igor Soares ingressou na Justiça pedido para vacinar professores, no entanto teve a solicitação negada. Considerando a prioridade da gestão na educação, programou a retomada das aulas para o dia 10 de maio, no entanto, a Prefeitura realizou pesquisa com população e profissionais da educação e, democraticamente, decidiu suspender a data de retomada.

O Estado divulgou que vacinaria os profissionais da educação apenas em julho, mas a educação é prioridade, por este motivo resolvemos antecipar aqui em Itapevi este grupo. Com isso, teremos também menor prejuízo no aprendizado das nossas crianças”, explicou Igor Soares.

Prefeito reforça ainda que “as aulas presenciais contribuem com o aprendizado e também com a segurança alimentar, daí o esforço constante da Prefeitura para que as aulas sejam retomadas”.


GCM salva Jovem que queria se jogar de Viaduto em Barueri

Prefeitura alerta para população para risco de terceira onda de Covid-19

Força tática prende criminosos por roubo de carga