Com menos de dois anos de mandato como deputado estadual, Igor Soares (Podemos) deixa legado de ações para as mais diversas áreas do legislativo paulista, inclusive para educação, saúde e direitos do consumidor.

Durante este período, apresentou 33 projetos de lei, dois projetos de resolução, 10 moções, cinco requerimentos de congratulações, dois requerimentos de informações e 126 indicações. Também ganhou destaque por deter a liderança do partido na Assembleia e integrar o bloco parlamentar que reúne 27 deputados estaduais.

“Quando eleito deputado, me propus a trabalhar pelo desenvolvimento do Estado e ser uma ponte entre a cidade de Itapevi e o Governo estadual. Concluo mais esta missão com a satisfação de ter realizado importantes atividades e ter contribuído com projetos que havia me proposto”, destaca Igor Soares.

O deputado se refere, principalmente, à retomada das obras do Corredor Oeste, no trecho Itapevi a Jandira, que, hoje, estão em conclusão, e a instalação da ETEC no município de Itapevi. “A primeira estava abandonada, a segunda, engavetada. Graças ao nosso trabalho e o apoio de diversos deputados estaduais na primeira e única, até o momento, Frente Parlamentar na Alesp que defendeu interesses da população de Itapevi, conseguimos que estes projetos tivessem continuidade”.

Leia Também:

[Análise] Eles merecem o prêmio “Oportunistas do ano”

Igor Soares encerra mandato de deputado com mais de 170 proposições

[Concurso Público] Prefeitura de Barueri abre inscrições para 155 vagas na Segunda (19/12)

Com relação a ETEC, o Estado recebeu a área doada pela municipalidade, realizou o projeto arquitetônico e, agora, desenvolve o projeto executivo. As próximas fases serão a publicação do edital, divulgação da empresa vencedora e início das obras.

O governador Geraldo Alckmin sancionou em janeiro deste ano o Projeto de Lei de autoria do deputado Igor que autoriza o Estado a instalar a Escola Técnica Estadual em Itapevi.

“Saio da Assembleia Legislativa com sensação de dever cumprido e, a partir do dia 1º de janeiro, assumirei um novo compromisso, em defesa da população de Itapevi”, destacou Igor.

A vaga deixada será ocupada pelo deputado suplente, Pedro Kaká, também do “Podemos”.

PROJETOS

Dentre os 33 projetos de lei apresentados, alguns ganharam destaque na grande imprensa, como de número 439/2015, que trata da proibição de transporte remunerado de passageiros em veículos particulares, cadastrados a partir de aplicativos não registrados nos Órgãos e Departamentos Estadual e Municipal competentes a prestação de serviços de táxi no Estado. O PL foi aprovado nas comissões e está pronto para ser votado em plenário.

Ainda há iniciativas que oficializam as campanhas Maio Amarelo, para conscientização sobre segurança no trânsito, e Junho Vermelho, que tem como objetivo incentivar a doação de sangue.

Em defesa do consumidor, Igor Soares apresentou o PL 1154/2015, que tem como objetivo obrigar as concessionárias de pedágios a disponibilizar uma cabine específica para o pagamento da tarifa por meio de cartão de débito ou crédito. Já o PL 628/2015 prevê garantias ao consumidor que deverá ter acesso a informações e valores de produtos que estarão disponíveis nas promoções conhecidas como “Black Friday”. Há também o PL 1334/2015, que acaba com as cobranças de taxas de pedágios para maiores de 60 anos de idade e deficientes em todas as rodovias do Estado. Os três projetos ainda estão sendo avaliados pelos demais deputados na Assembleia.

Também tramita na Alesp, pedido de Igor Soares para proibir a instalação, implantação e construção de novos presídios na Região Metropolitana de São Paulo (PL 66/2016), para implantar sistemas e computadores nos Centros de Doações de Sangue com o objetivo de atender deficientes, principalmente com surdez; para disponibilizar gratuitamente, às mulheres gestantes, repelentes visando afastar o “Aedes aegypti”, responsável pela transmissão da dengue, zika e febre chikungunya.

Igor Soares também participou da elaboração, discussão e aprovação do Projeto de Lei, já sancionado pelo governador, que trata do atendimento de Juizados Especiais Cíveis e Criminais dentro do estádio, durante as partidas de futebol dos principais campeonatos, como Série A do Brasileiro e Série A1 do Paulista, além da numeração de todas as cadeiras e penalidades às entidades relacionadas à prática desse esporte, em razão de ilícitos praticados por seus torcedores.

Outra medida defendida em plenário pelo deputado e oficializada pelo PL 1442/2015, prevê a redução nas tarifas dos transportes públicos do Estado em horários alternativos aos de grande fluxo.

Transparência

Uma das marcas do mandato do deputado Igor Soares foi a transparência na divulgação das ações realizadas. Além de manter site oficial, usou o Facebook e o Instagram para se comunicar com os moradores do Estado de São Paulo. As principais atividades foram divulgadas e, com a equipe do mandato, buscou responder as demandas dos internautas.

No início de 2016, prestes a completar um ano de mandato, prestou contas dos trabalhos realizados por meio de folder ilustrativo e no período que atuou como deputado lançou 15 edições do boletim “Avança São Paulo”, para divulgar as principais ações de cada mês.