Incêndio atinge prédios comerciais no Centro de SP; bombeiros ficam feridos e área é interditada por risco de desabamento
Fonte: Reprodução/G1

Um incêndio atinge há mais de dez horas ao menos cinco prédios comerciais na Rua Barão de Duprat, região da Rua 25 de Março, no Centro de São Paulo.

O fogo começou às 21h deste domingo e seguia na manhã desta segunda-feira (11).

Segundo o coronel Melo, o fogo começou na área térrea de um prédio de dez andares e se alastrou para outros quatro imóveis: duas lojas, que ficaram completamente destruídas, um prédio de seis andares, que corre risco de desabar, e o prédio de uma igreja ortodoxa.

Todos os imóveis estavam vazios, incluindo a igreja, a primeira ortodoxa do país.

Por volta das 8h, os bombeiros atuavam para conter as chamas no prédio maior, de dez andares. Nos demais imóveis, o fogo já tinha sido contido.

A expectativa, de acordo com o coronel Melo, é a de mais ao menos mais 24 de trabalhos no local.

Os imóveis estavam vazios quando o incêndio começou.

Dois bombeiros que atuavam no combate às chamas ficaram feridos.

Eles sofreram queimaduras de 2º grau e foram encaminhados para o pronto-socorro do Tatuapé com mais de 15% do corpo queimado. 28 viaturas e 80 bombeiros trabalham para combater as chamas.

Eles entraram no prédio de dez andares e atuam do lado de dentro e de fora para evitar que as chamas se alastrem para outras edificações.

Funcionários de lojas do entorno aguardam para saber se as lojas poderão ser abertas. Moradores de um prédio residencial ao lado da edificação em chamas foram orientados a deixar os apartamentos por conta dos riscos, embora o prédio não tenha sido atingido pelo fogo.

Os bombeiros ainda não sabem o que teria provocado o incêndio. A Polícia Civil vai apurar as causas e eventuais responsabilidades pelo fogo que atingiu e danificou os imóveis.

O incêndio afetou a circulação de ônibus no local. A SPTrans informou que as linhas que passam pela região estão realizando desvios e que sua equipe técnica acompanha a situação.

O Mercado Municipal de São Paulo, que fica próximo ao local, está funcionando, mas o acesso a ele está comprometido, com os bloqueios e desvios no trânsito devido ao fogo nos imóveis.

Bloqueios devido ao incêndio: