COMPARTILHAR
Foto: Reprodução/Prefeitura de Itapevi

Itapevi recebe, nesta quinta-feira (11), às 9h e às 14h, duas sessões gratuitas e abertas ao público de contação de histórias da 14ª edição do projeto Viagem Literária. As apresentações acontecem na Biblioteca Municipal (Avenida Luiz Manfrinato, 194, Centro).

A iniciativa terá apresentação do grupo “Mandingueiras da Pracinha”, que traz o tema “Na volta que o mundo deu”. A iniciativa une duas angoleiras e arte-educadoras apaixonadas pela cultura popular e o gingar dos corpos em uma conversa descontraída com o público.

Cada apresentação tem capacidade para atender um público de até 150 pessoas. Portanto, a recomendação é de que os interessados cheguem com cerca de 30 minutos de antecedência no local do espetáculo.

O evento engloba ainda a abordagem da literatura oral para crianças e jovens com a contação de lendas, contos e fábulas no Brasil através da obra do escritor Henrique Lisboeta. O espectador poderá mergulhar no universo do folclore brasileiro e a diversidade de temas que inspiram a imaginação e a criação de novas histórias.

A programação é realizada pela Secretaria Estadual de Cultura em parceria com a Prefeitura de Itapevi. Mais informações sobre o evento podem ser obtidas pelo número (11) 4143-5441.

Projeto Viagem Literária

A iniciativa percorre anualmente dezenas de cidades paulistas levando autores e contadores de histórias para palestras, oficinas e bate-papos que são realizados nas bibliotecas locais.

Desde junho de 2017, Itapevi já recebeu pelo projeto o ator global João Acaiabe, o escritor infanto-juvenil Leo Cunha, o escritor Estevão de Azevedo, a escritora e contadora de histórias Kiara Terra, assim como a Cia. do Liquidificador, grupo que reúne diversas modalidades cênicas em suas atividades, como circo, teatro, dança, teatro de animação e música.

Ao todo, o programa já esteve em 224 municípios desde 2008, quando foi criado, levando 235 convidados, entre contadores de histórias, escritores, poetas, promovendo bate-papos, oficinas, rodas de histórias, contação de fábulas, mitos e lendas do folclore brasileiro e da literatura universal para mais de 350 mil cidadãos em mais de 3,5 mil eventos realizados no território paulista.