Foto: Reprodução

Clique Aqui e envie um “OI” pelo WhatsApp para receber mais notícias de Itapevi e do Brasil em seu celular gratuitamente


Dois dias após fazer história e conquistar a prata no individual geral na ginástica artística, Rebeca Andrade voltou a dar show em Tóquio 2020. Neste domingo, a jovem nascida em Guarulhos, na Grande São Paulo, brilhou na apresentação de saltos e garantiu a medalha de ouro, a segunda do Brasil nos Jogos Olímpicos. Foi a primeira medalha de ouro da história da ginástica artística feminina do Brasil em olimpíadas.

A brasileira foi a terceira a saltar. E mesmo tendo pisado fora na primeira tentativa, conseguiu uma bela nota: 15.166. Na segunda, ela também foi muito bem e tirou 15.000. Na média, ela teve 15.083, assumindo a primeira colocação.

Rebeca Andrade faz salto na final do aparelho na Olimpíada de Tóquio
Rebeca Andrade faz salto na final do aparelho na Olimpíada de Tóquio ATHIT PERAWONGMETHA/REUTERS – 01.08.2021

Logo depois dela, quem saltou foi Jade Carey, considerada uma das favoritas. E ela errou, ficando com apenas 12.416 de média.

Fonte R7