Até o final do ano, as principais ruas e avenidas de Itapevi terão reforço do número de câmeras de videomonitoramento da Prefeitura. Atualmente, a cidade conta com 35 unidades em diversas vias e, a partir do investimento de R$ 500 mil em recursos oriundos de emenda parlamentar, o número será ampliado para 50 câmeras.

 

Leia Também:

+ Entenda o cenário Político Eleitoral de Itapevi nas eleições de 2014

“Cores da Solidariedade” atrai dezenas de pessoas á Praça 18 de Fevereiro

Chacina deixa 8 mortos em Carapicuíba, entre as vítimas uma grávida

 

Monitoramento ganhará 15 novas câmeras em Itapevi.
Monitoramento ganhará 15 novas câmeras em Itapevi.

 

As 15 novas câmeras reforçarão o monitoramento em bairros como Vila Nova Itapevi e Cohab, que já contam com o equipamento em algumas ruas e avenidas. O serviço também será estendido à Praça de Esportes e Lazer Nelson Mandela, na Vila Dr. Cardoso, que foi inaugurada no ano passado.

 

A medida visa ampliar a sensação de segurança dos moradores, além de permitir uma resposta mais ágil por parte de serviços de fiscalização de posturas e de trânsito, bem como de atendimento a emergências médicas. Isso porque as câmeras são interligadas ao sistema de monitoramento que engloba serviços das secretarias de Segurança, de Trânsito e Transportes, da Receita e da Saúde.

 

A unidade dispõe de uma sala com televisores digitais, computadores e radiocomunicadores, uma sala de reunião com videoconferência e uma sala de situação – onde as ligações dos moradores são coletadas e repassadas às equipes atuantes nas ruas. Os serviços são acionados pelo telefone 199 – ligação gratuita 24 horas por dia. De acordo com a secretaria, são atendidas em média 90 chamadas diárias na Central de Videomonitoramento e com os investimentos está prevista a redução do tempo de resposta às chamadas na região, de sete para cinco minutos.

 

Segundo o secretário de Segurança, Kleber Maruxo, a compra dos equipamentos está em fase avançada e deverão ser instalados ao longo do segundo semestre, fazendo parte dos investimentos previstos no setor para o ano. “Além das novas câmeras, a Prefeitura vai integrar o sistema de videomonitoramento ao programa Infoseg, que vai permitir o reconhecimento de placas de veículos. Isto contribuirá para uma redução ainda maior do número de furtos e roubos na área coberta pelas câmeras”, destacou Maruxo.

 

O serviço de monitoramento é operado pela Guarda Municipal, que é vinculada à Secretaria de Segurança. O órgão, que completa 17 anos de atuação em setembro, conta com 250 profissionais, divididos em destacamentos como Canil, Banda Musical, Rondas Ostensivas por Motocicletas, Patrulha de Trânsito e Guarda Ambiental. O setor ainda dispõe de projetos voltados ao aprendizado musical e de noções de cidadania, destinado às crianças da cidade.