Ao terminar de ler esta reportagem, Clique aqui para saber qual será a solução para os usuários da CPTM que contavam com as estações Ambuitá, Cimenrita e Jardim Santa Rita!

 

A CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) volta a prestar serviço entre Itapevi e Amador Bueno, a partir da próxima quinta-feira, 3 de abril. Inicialmente, os trens circularão no período entre 10h e 16h, com acompanhamento dos técnicos, atendendo às estações Amador Bueno, Santa Rita e Itapevi.

 

O trecho de 6,3 quilômetros foi remodelado com implantação de nova infraestrutura de via permanente (com padronização da bitola) e de rede aérea. As estações Amador Bueno e Santa Rita foram reconstruídas e dispõem de sanitários públicos, além de acessibilidade para pessoas com mobilidade reduzida.

cptm - AntigaII

Para a travessia da via férrea, há três passagens de pedestres assistidas, ou seja, com acompanhamento de empregados da Companhia e mais três passagens em nível com cancela para garantir a segurança dos motoristas. Essas passagens, futuramente, serão substituídas por três passarelas que já estão em fase de elaboração de projetos básico e executivo.

 

O investimento do governo do Estado na revitalização do trecho foi de R$ 83,5 milhões e as obras na região continuam para dar mais conforto aos usuários. O local da futura estação Ambuitá, que também atenderá ao trecho, já foi definido em conjunto com a Prefeitura de Itapevi e o projeto funcional foi finalizado. Atualmente, a equipe trabalha na elaboração dos projetos básico e executivo dessa nova estação.

 

Até a entrada em operação da futura estação Ambuitá, os usuários poderão continuar utilizando a linha de ônibus L27, que atende ao trecho e será mantida após o restabelecimento do serviço ferroviário. Nas duas novas estações, os passageiros da CPTM também poderão contar com integração de linhas de ônibus do município de Itapevi.

 

Trens da série 5.000, composto por quatro carros, atenderão a demanda estimada de 3.500 usuários por dia/útil. A tarifa de R$ 3,00 será cobrada na estação Itapevi, que dá acesso ao sistema metroferroviário.